quinta-feira, 16 de janeiro de 2014

Seis homicídios são registrados em duas horas na Grande BH

Seis homicídios foram registrados em menos de duas horas em Belo Horizonte e Região Metropolitana. Três dos assassinatos foram na capital. Apesar dos registros, em nenhum dos suspeitos pelos crimes foi preso.

Por volta das 23 horas desta quarta-feira (15), Iago Pedro Carvalho, de 19 anos foi morto no bairro Nova Contagem, em Contagem, na Grande BH. Ele recebeu quatro tiros na cabeça e foi encontrado na rua VL Quinze. Não há informações sobre a motivação do homicídio ou quem o cometeu.

Já em Ribeirão das Neves, militares do 40º Batalhão da Polícia Militar encontraram Ederson Gonçalves Rocha, de 21 anos, morto com seis tiros dentro de um bar no bairro Jardim Colonial. Segundo testemunhas, a vítima não era frequentadora do estabelecimento. Ele jogava sinuca no local por volta da meia-noite, quando um homem em uma moto chegou e atirou oito vezes contra Ederson. O atirador não foi identificado ou encontrado.

Em Vespasiano, no início da madrugada, uma mulher de 32 anos foi morta a facadas dentro de casa. O suspeito seria o companheiro dela, identificado como Junior Euflazino Rocha, de 36 anos, que não foi localizado. A vítima, Gorethe Mendes dos Santos, de 32 anos, morava na rua Hebert Fernandes, 221, no bairro Nazia II. Segundo uma testemunha, Junior ligou informando que bebiam na residência mas tiveram uma briga e feriu a mulher.

Capital

Três homicídios também foram registrados em BH. O primeiro foi por volta das 23h30, na rua Tabapuam, no bairro Dom Bosco, na região Noroeste da capital. Eric Fernando Rosário, de 23 anos, que era conhecido do meio policial e possuía várias passagens por crimes diversos, foi encontrado sem vida na rua, com dois tiros na cabeça. Não há informações sobre autores.

No bairro Goiânia, na região Nordeste, duas pessoas foram baleadas e uma delas morreu, na rua Asa Branca. Segundo a vítima que sobreviveu, Fernando Araújo, ele estava com João Chrisler Evangelista, de 18 anos, no local quando um Fiat Pálio chegou e o passageiro perguntou se eles vendiam cocaína. Ao se aproximar, João foi atingido duas vezes no peito e Fernando uma vez na região do glúteo. Em seguida, o atirador fugiu. Fernando foi levado para o Hospital Risoleta Neves pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência. A vítima não soube dizer quem eram os atiradores.

O terceiro homicídio registrado em Belo Horizonte foi no bairro Concórdia, na região Nordeste. Ao todo, três pessoas foram baleadas na esquina das ruas Jundiaí com Tamboril. Um deles, Marcos Vinicius Crus de Souza, de 22 anos, morreu no local com quatro tiros de calibres diferentes. As vítimas sobreviventes, Claudio Ferreira da Silva, de 23, e Ketlen de Castro Silva, de 21, foram socorridas por populares ao Hospital Odilon Behrens. Não há informações dos autores do crime.

0 comentários:

Postar um comentário

CONTATO!

Administrador:
.::ESTEVES::.
E-mail:
blogdoesteves1@gmail.com

Twitter Blog do Esteves.

Sede Campestre do CSCS Betim.

Seguidores

Postagens populares

Tecnologia do Blogger.

468x60px

Redes Sociais

Posts em Destaque